Ir para conteúdo 1 Ir para menu 2 Ir para busca 3 Ir para rodapé 4 Acessibilidade 5 Alto contraste 6

---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?

Assistência
Programa Famílias Fortes forma nova turma em São João Batista nesta quarta-feira (20)

Publicado em 20/07/2022 às 11:21 - Atualizado em 20/07/2022 às 11:21

Iniciativa foi desenvolvida junto a 31 famílias por meio de parceria entre a Secretaria Nacional da Família e a Secretaria Municipal de Assistência Social

 

A formatura dos participantes do segundo ciclo do programa Famílias Fortes em São João Batista será realizada na noite desta quarta-feira (20), às 19h, no Sítio Vô Bida. A iniciativa foi resultante de uma parceria entre o Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, por meio da Secretaria Nacional da Família, e a Secretaria Municipal de Assistência Social de São João Batista, por meio do CRAS.

O programa contou com a participação de 31 famílias batistenses, com filhos com idade entre 10 e 14 anos. A metodologia foi desenvolvida ao longo de sete encontros semanais, realizados entre maio e julho. O Famílias Fortes tem como objetivo geral a promoção do bem-estar dos membros da família a partir do fortalecimento de seus vínculos e do desenvolvimento de habilidades parentais e sociais.

E, entre os objetivos específicos, ensinar pais e filhos a desenvolverem maneiras eficazes de comunicação e relacionamento, ajudar os pais a disciplinar e orientar de forma mais eficaz, assim como os filhos a compreender e valorizar os pais. Ensinar os filhos a lidar com o estresse e a pressão dos amigos e promover uma expectativa de futuro aos jovens também estiveram entre os tópicos trabalhados.

“Este programa tem um potencial transformador, já que tem como foco a melhora da qualidade das relações familiares. Isso traz um grande impacto social, prevenindo uma série de problemas. Por isso, parabenizamos tanto as equipes envolvidas, como, principalmente, as famílias que se dedicaram ao programa. Ao se fortalecer os núcleos familiares, fortalecemos a sociedade como um todo”, analisa a secretária municipal de Assistência Social, Naldir da Silva Alexandre.